Análise de pedrões físico-químicos e microbiológicos da água de cacimbas destinadas ao consumo dos m

Natanielly de Oliveira

General

18350

Divulgación Científica

Esperando ter uma maior compreensão da qualidade das águas em Arapiraca este trabalho tem como objetivo avaliar a qualidade físico-química e microbiológica das águas de cacimbas na zona rural e urbana de Arapiraca, quanto à presença de coliformes totais e Escherichia Coli e os parâmetros de potabilidade como: pH, Condutividade e Sólidos Totais Dissolvidos. Na cidade é comum o uso de cacimbas para suprir as necessidades de abastecimento de água e em muitas destas cacimbas são observadas irregularidades nos locais em que foram perfuradas e de não possuírem controle de sua potabilidade. A análise microbiológica da água das cacimbas é importante para determinar a sua qualidade e investigar a presença de microrganismos que provoquem problemas à saúde. No trabalho foram coletadas 40 amostras de águas de cacimbas para serem realizadas análises de coliformes totais e Escherichia Coli pelo método de substrato cromogênico-fluorogênico e determinação de pH, Condutividade e Sólidos Totais Dissolvidos. Com os resultados obtidos com as análises dos parâmetros investigados, pode-se concluir que as águas oriundas de cacimbas da cidade de Arapiraca estão fora dos padrões de potabilidade da água para o consumo humano, as análises feitas apresentaram resultados positivos para a presença de coliformes totais em 23% das amostras e 75% apresentaram a bactéria Escherichia Coli. Nos padrões físico-químicos apenas sete cacimbas estão dentro dos valores recomendados para pH, no que diz respeito a STD as amostras encontram-se dentro dos valores que dispõe a portaria.-

Participantes

NATANIELLY DE OLIVEIRA

NATANIELLY DE OLIVEIRA

Fred Augusto Ribeiro Nogueira

Escuela

IFAL

Brasil-Alagoas-Arapiraca