UTILIZAÇÃO DE RECURSOS NATURAIS E ECONOMICAMENTE VIÁVEIS NO TRATAMENTO DE EFLUENTES DOMÉSTICO

MACRÓFITAS AQUÁTICAS

General

15140

Divulgación Científica

A poluição hídrica é um dos grandes problemas ambientais da atualidade. De acordo com as perspectivas do contexto contemporâneo, a saúde do futuro estará comprometida. Os rios estão sendo poluídos por efluentes domésticos, industriais, resíduos hospitalares, agrotóxicos, entre outros elementos que alteram as propriedades físico-químicas da água. Esta que é um elemento fundamental para a sobrevivência do ser humano. Porém, quando mal tratada ou contaminada pode causar sérias doenças aos seres vivos. Assim, esta pesquisa tem como objetivo utilizar macrófitas aquáticas para o tratamento de esgoto doméstico e reuso em adubação convencional. Por se desenvolverem em regiões hídricas, podem amenizar a poluição de lagos e rios, pois essas plantas precisam de altas concentrações de nutrientes para o seu desenvolvimento. Com base nisso, produziu-se um sistema de tratamento de efluentes para o qual foram realizadas diferentes filtragens. Todo efluente captado foi inicialmente lançado em um tanque de decantação, dotado de peneiras com a finalidade de reter todo material grosseiro. Após o armazenamento da água do esgoto em tanques para o tratamento utilizando as macrófitas Eichornia crassipes, Pistia stratiotes e o tanque com as duas espécies a qual teve a função de efetuar uma pré-filtragem do efluente, houve uma remoção significativa. O sistema foi distribúido em: entrada e saída do primeiro tanque, saída do segundo tanque, saída do terceiro tanque e saída do efluente do quarto tanque. Tais amostras foram analisadas quanto às variáveis: condutividade elétrica, PH, turbidez, sólidos totais, fixos e voláteis, sólidos em suspensão, detergentes e óleos. Sendo assim, a utilização dessas plantas seria uma alternativa viável e de baixo custo para minimizar a poluição dos efluentes domésticos e reuso em adubação convencional. Assim, conclui-se que os resultados obtidos permitem verificar que se trata de um sistema constituído por estruturas simples, de fácil manejo e operação em que, no caso de pequenas comunidades rurais, fazendas, assentamentos, dentre outras, podem atuar de forma eficiente na recuperação da qualidade da água antes de seu despejo nos cursos naturais. Palavras Chaves: Efluentes domésticos. Macrófitas. Despoluição. Comunidade.

Participantes

EDUARDA PEREIRA MARTINS

Zilmar Timoteo Soares

Escuela

EEB Clovis Goulart

Brasil-Santa Catarina-Araranguá